segunda-feira, 29 de dezembro de 2008


QUERIDOS (AS) AMIGOS (AS) QUE ME VISITARAM EM 2008... MUITO OBRIGADA PELO CARINHO, COMENTÁRIOS, PELAS VISITAS, ENFIM, POR TEREM PASSADO POR ESSE CANTINHO... FIQUEI MUITO FELIZ PELO NÚMERO DE VISITAS ALCANÇADO; NÃO ESPERAVA TANTO...
DESEJO QUE O ANO DE 2009 SEJA REPLETO DE BÊNÇÃOS E CONQUISTAS, COM MUITA SAÚDE, PAZ, AMOR, UNIÃO...
BJS E OBRIGADA PELO CARINHO DE SEMPRE!!! QUE POSSAMOS CONTINUAR ESSA PARCERIA NO ANO VINDOURO...

sábado, 27 de dezembro de 2008

DICA LITERÁRIA


SINOPSE

O Pequeno Príncipe é uma fábula. Ou se preferirmos, uma parábola. Não é um livro para crianças, porque traz justamente a mensagem da infância, a mensagem da criança. Essa criança que irromperá de repente no deserto do teu coração, a milhas e milhas de qualquer região habitada. A menos que não queira ver, a face do Pequeno Príncipe, a face de um outro, coroada com os espinhos da rosa.... Este livro é também um teste. É o verdadeiro desenho número 1. Se não o quiseres compreender, se não te interessas pelo seu drama, fica aqui a sentença do Príncipe: Tu não és um homem de verdade. Tu não passas de um cogumelo...
* UM VERDADEIRO CLÁSSICO... MARAVILHOSO!!!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

JOGOS PARA ALFABETIZAÇÃO

* JOGO DA MEMÓRIA ILUSTRADO
Montar cartas contendo letra e figura (ou palavra e figura); quando os alunos virarem as duas cartas correspondentes marcam pontos.
* PESCARIA DAS LETRAS
Montar vários peixes contendo as letras do alfabeto e simular um lago com uma caixa de papelão para que os alunos pesquem as letras do alfabeto. A cada letra pescada, deve-se dizer o nome da letra e de uma palavra iniciada pela mesma.
* JOGO DE BOLICHE DO ALFABETO
Montar com garrafas descartáveis ou latinhas, recortar as letras do alfabeto e colar na garrafa ou lata. Fazer uma bola de meia para que os alunos possam jogar. A cada garrafa derrubada, o aluno deverá falar uma palavra iniciada pela letra correspondente.
* TRILHA DO ALFABETO
Montar uma trilha grande com as letras do alfabeto. Providenciar um dado e marcadores para todos os jogadores.
O aluno joga o dado, anda o número de casas fazendo a leitura e na casa que parar, deverá falar (ou escrever) uma palavra com a letra correspondente.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

DICA LITERÁRIA

Este livro aborda a finalidade do ensino e os problemas de aquisição de conhecimentos espaciais e geométricos na área de matemática, sintetizando os questionamentos principais às perspectivas clássicas na educação infantil e nas séries iniciais. Esta obra busca criar um meio de comunicação entre pesquisadores e educadores de matemática, integrando conceitos teóricos com a prática educacional, por meio da articulação das pesquisas apresentadas com propostas para as aulas.

JOGOS NAS AULAS DE MATEMÁTICA

JOGO DE DADOS
MATERIAIS: 2 dados, lápis e papel
NÚMERO DE JOGADORES: de 2 a 4 jogadores
COMO JOGAR:
Cada jogador, um de cada vez, lança os dois dados, soma os pontos obtidos e marca o resultado na tabela. Após todos lançarem os dados, comparam-se os resultados obtidos por todos os jogadores naquela rodada.
Aquele que obtiver o maior número de pontos é o vencedor da rodada e deve anotar seu nome no local correspondente.
Ao final de cinco rodadas, define-se o vencedor do jogo: aquele que somou mais pontos no total ou que venceu mais rodadas (combinar isso previamente).
JOGO-DA-VELHA COM SOMA DE NÚMEROS
MATERIAIS: lápis e papel
NÚMERO DE JOGADORES: 2
COMO JOGAR:
Cada jogador escolhe se quer jogar com números pares ou ímpares.
Pares: 4, 6, 8, 10 e 12
Ímpares: 5, 7, 9, 11 e 13
Cada jogador, alternadamente, em sua vez de jogar, usa um dos números que escolheu e escreve-o em um dos espaços da grade do jogo. (Cada número só pode ser usado uma única vez).
O vencedor será aquele que conseguir formar uma linha (horizontal, vertical ou diagonal) cuja soma seja igual a 30.
JOGO: ESTIMANDO COMPRIMENTOS
MATERIAL: fita métrica
NÚMERO DE JOGADORES: de 4 a 6
COMO JOGAR:
Escolhe-se um dos participantes do grupo para que se meça o comprimento de alguma parte de seu corpo.
Cada jogador deverá estimar o comprimento das partes do corpo do colega escolhido, anotando as medidas em sua tabela.
Depois que todos fizerem suas estimativas, medirão as partes do corpo do colega com a fita métrica, anotando essas medidas ao lado das estimativas feitas.
Ganha 100 pontos o jogador que fez a estimativa mais próxima do comprimento real.
Aquele que fizer mais pontos ganha o jogo.
JOGO DOS NÚMEROS GRANDES
MATERIAL: um baralho com os algarismos de 0 a 9
NÚMERO DE JOGADORES: de 2 a 4
COMO JOGAR:
O baralho é dividido igualmente para todos os jogadores (se restarem cartas, deve-se colocá-las à parte).
Cada jogador embaralha as suas cartas e coloca-as com as faces numeradas voltadas para baixo em um monte a sua frente.
Ao sinal "Já", cada jogador vira duas cartas do seu monte e tenta organizá-las para formar o maior número possível, colocando-os na mesa.
Aquele que conseguir o maior número ganha todas as cartas da mesa, separando-as num monte à parte.
O jogo continua da mesma forma até acabarem todas as cartas dos jogadores. Ganha o jogo aquele que conseguir mais cartas na mesa.
* Pode-se jogar também virando 3 ou 4 cartas de cada vez, dependendo da quantidade de algarismos desejada para se formar os números.
* O professor pode criar uma tabela para os alunos registrarem o nome dos jogadores e quantas cartas cada um ganhou.
JOGO DO 21


MATERIAL: cartas numeradas de 0 a 9 ou as cartas numéricas de um baralho normal (de Ás a dez) e fichas (botões, feijões, etc.)


MODO DE JOGAR:
Cada jogador recebe 3 fichas e 3 cartas. O restante das cartas permanece num monte no centro da primeiro a jogar coloca uma carta na mesa, com a face voltada para cima, e anuncia seu valor, pegando outra carta do monte.
O próximo jogador coloca uma carta de sua mão sobre a carta colocada pelo jogador anterior e soma seus valores, anunciando o total em voz alta. Em seguida compra uma carta do monte, ficando sempre com 3 cartas na mão.
Todos os jogadores, alternadamente, vão acrescentando carta sobre carta até que a soma dê 21 ou mais. Encerra-se, então, a primeira rodada e o jogo recomeça.

OBSERVAÇÕES:
* O jogador que conseguir exatamente 21 na sua vez de jogar, ganha a rodada, recebendo 1 ficha de cada um dos outros jogadores.
* A cada rodada,as cartas que estão na mesa (cartas colocadas pelos jogadores, com a face numerada voltada para cima) devem ser desviradas e colocadas embaixo do monte que fica no meio da mesa (monte onde os jogadores compram as cartas).
* O jogo termina quando um dos jogadores perder todas as suas fichas. O jogador que tiver mais fichas ganha o jogo.

sábado, 13 de dezembro de 2008

PARA GOSTAR DE LER... POEMAS


* ALGUNS POEMAS DO LIVRO "GIRASSÓIS E OUTRAS POESIAS", DE LALAU E LAURABEATRIZ (ED. COMPANHIA DAS LETRINHAS)... SEUS ALUNOS IRÃO AMAR (E VOCÊ TAMBÉM!).





SOPA DE LETRINHAS


NA PRIMEIRA

COLHERADA,

VEIO UMA

PALAVRA ESQUISITA:

CHISTUGOVITA.


NA SEGUNDA,

APARECEU UMA

PALAVRA SONORA:

FLOCTFLORA.


NA TERCEIRA,

EU VI UMA

PALAVRA MEDONHA:

BURPRONHA.


NA QUARTA,

DEU PRA LER UMA

PALAVRA GOSTOSA:

VISQUISMOSA.


NA ÚLTIMA COLHERADA,

SÓ VEIO O CALDO:

NÃO ESTAVA ESCRITO NADA.


DEPOIS,

OLHANDO PARA

AQUELE PRATO FUNDO,

PERCEBI

QUE TINHA COMIDO

AS PALAVRAS

MAIS DOIDINHAS

DO MUNDO.








BARATA TONTA


NUMA CERTA MANHÃ,

ENQUANTO COMIA MAÇÃ,

VI UMA BARATA

SAIR DE TRÁS DE UMA LATA

E SE ESCONDER

NUM NOVELO DE LÃ.


DE REPENTE,

A BARATA SAIU DE LÁ

E, RAPIDAMENTE,

FOI PRA DEBAIXO DO SOFÁ.


AÍ, NÉ, A BARATA LIGEIRA

CORREU PARA O PÉ DA GELADEIRA.


DEPOIS DISSO, A BARATINHA

FEZ UM REBULIÇO NA COZINHA.


DA GELADEIRA PARA O FOGÃO,

DO FOGÃO PARA A PIA,

DA PIA PARA A MESA,

DA MESA PARA A CADEIRA,

DA CADEIRA PARA A MESA,

DA MESA PARA A PIA,

DA PIA PARA O FOGÃO,

DO FOGÃO PARA A GELADEIRA.


ESSA CONFUSÃO

DUROU A MANHÃ INTEIRA,

ATÉ QUE CHEGOU

UM CHINELO VALENTÃO

E ACABOU

COM A BRINCADEIRA.








O PENTE


TODA VEZ

QUE SONHAVA

COM CABELO,

AQUELE PENTE

SEM DENTE

TINHA

PESADELO.


SE SONHAVA

COM CABELO PRETO,

NÃO DORMIA

DIREITO.

SE SONHAVA

COM CABELO COMPRIDO,

FICAVA

DEPRIMIDO.

SE SONHAVA

COM PERUCA,

DEIXAVA

A PENTEADEIRA

MALUCA.


QUE VIDA

AQUELA!

QUE CARA

DE SONECA!


UM PENTE

BANGUELA

QUE PERTENCE

A UM CARECA!








MALABARISMOS


SABE O QUE

EU CONSIGO?

É OLHAR

DENTRO DO MEU

UMBIGO.


SABE O QUE

EU DUVIDO?

É VOCÊ

ASSOBIAR

PELO OUVIDO.


SABE O QUE

EU NÃO DEIXO?

É MINHA BOCA

MORDER

MEU QUEIXO.








RIMINHAS


UM FANTASMA

COM ASMA.


UM ANJO

TOCANDO BANJO.


UM MACACO

VESTINDO UM CASACO.


UMA LOMBRIGA

COM DOR DE BARRIGA.


UMA CHUVA

DE SUCO DE UVA.


E UM FINAL

COM TCHAU-TCHAU!




SE VOCÊ AINDA NÃO TEM ESSA COLEÇÃO DE CD'S EM SUA ESTANTE... NÃO PERCA MAIS TEMPO; COMPRE JÁ!!! SÃO 4 CD'S COM 100 MÚSICAS INFANTIS, EM DUAS VERSÕES: CANTADA E INSTRUMENTAL (KARAOKÊ). ACOMPANHA TAMBÉM UM LIVRO COM AS LETRAS DE TODAS AS CANÇÕES.

SEM DÚVIDA, NÃO PODE FALTAR EM SUA COLEÇÃO!

DICA LITERÁRIA


Então, você pensa que conhece a história da Chapeuzinho Vermelho? Às vezes, as coisas não são como parecem ser. Quando o Lobo escreve à Chapeuzinho Vermelho pedindo que o ensine a ser bom, ela fica eufórica. Mas, assim que o Lobo, agora bonzinho, torna-se uma celebridade, Chapeuzinho Vermelho, ciumenta, decide fazer alguma coisa. Uma variedade de papéis e de novas texturas complementa esta divertida história!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

DICA LITERÁRIA



Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. É o primeiro caso de uma "treva branca" que logo se espalha incontrolavelmente. Resguardados em quarentena, os cegos se perceberão reduzidos à essência humana, numa verdadeira viagem às trevas. O Ensaio sobre a cegueira é a fantasia de um autor que nos faz lembrar "a responsabilidade de ter olhos quando os outros os perderam". José Saramago nos dá, aqui, uma imagem aterradora e comovente de tempos sombrios, à beira de um novo milênio, impondo-se à companhia dos maiores visionários modernos, como Franz Kafka e Elias Canetti.Cada leitor viverá uma experiência imaginativa única. Num ponto onde se cruzam literatura e sabedoria, José Saramago nos obriga a parar, fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas são as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressão dos tempos e do que se perdeu: "uma coisa que não tem nome, essa coisa é o que somos".

domingo, 7 de dezembro de 2008

MODELO: FICHA DE ACOMPANHAMENTO

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DO ALUNO
ANO: 200_

ESCOLA: _____________________________
NOME DO ALUNO: ______________________
SÉRIE: ____ - PROFESSORA: ______________

DICA: PRESENTE PARA ADULTOS


BOM, DEU PARA PERCEBER QUE GOSTO MUITOOOO DA ALINE BARROS, NÉ?
ESSE DVD COMPREI SEMANA PASSADA; ESTÁ MARAVILHOSO!!! TENHO CERTEZA QUE AO ASSISTÍ-LO, SUA VIDA SERÁ EDIFICADA.
UM PRESENTE QUE COM CERTEZA AGRADARÁ MUITO QUEM O RECEBER!
* MÚSICAS DO DVD:
1 - Abertura
2 - Vou te Alegrar
3 - Conquista
4 - Como Israel
5 - Contar Meus Segredos
6 - Detalhes
7 - Caminho de Milagres
8 - Deus Que Move os Céus
9 - Manancial
10 - Diante da Cruz
11 - Jesus, Filho de Deus
12 - Poder pra Salvar
13 - Leva-me aos Sedentos
14 - Cubra-me
15 - Espero em Ti
16 - Captura-me
17 - Dueto de Baterias
18 - Tudo é Teu

DICA: PRESENTES PARA AS CRIANÇAS



ÓTIMOS PRESENTES; AS CRIANÇAS IRÃO AMAR!!! (E OS ADULTOS TAMBÉM!)
DOIS CD'S COM MÚSICAS PRA LÁ DE ANIMADAS, QUE FALAM DO AMOR DE DEUS E ENSINAM A OBEDECER, A NÃO MENTIR, ENTRE OUTRAS COISAS. VALE A PENA!!!
E AINDA TEM O DVD ALINE BARROS E CIA. VOL 1, PARA QUEM SE INTERESSAR. EU JÁ TENHO A COLEÇÃO COMPLETA E RECOMENDO!

TROQUINHA DE CARTÕES

GANHEI ESSE CARTÃO DA AMIGA SABRITH, AO PARTICIPAR DA TROQUINHA DE CARTÕES PROMOVIDA PELA CARLINHA, DO BLOG "ENCANTO INFANTIL".
TAMBÉM ENVIEI TRÊS CARTÕES PARA OUTRAS AMIGAS, MAS INFELIZMENTE ESQUECI DE FOTOGRAFÁ-LOS...
BEM, AGORA ESTOU ESPERANDO RECEBER OS OUTROS CARTÕES...
MAS ESSE CARTÃO QUE GANHEI É LINDO, NÃO É? MUITO FOFOOOOOO!!! OBRIGADA SABRITH!

domingo, 30 de novembro de 2008

SUGESTÃO DE ATIVIDADES - ESCRITA E LEITURA

* PRODUÇÃO DE TEXTO: CONTO



* PRODUÇÃO DE TEXTO: LISTA DE INGREDIENTES




* ATIVIDADE DE LEITURA: TÍTULOS DE CONTOS
*FONTE: COLEÇÃO "ATIVIDADES PARA TODOS OS DIAS"

sábado, 29 de novembro de 2008

DICA LITERÁRIA

SINOPSE:

Matilda adorava ler. Passava horas na biblioteca, lendo um livro atrás do outro. Mas, quanto mais ela lia e aprendia, mais aumentava seus problemas. Os pais viam televisão o tempo todo e achavam muito estranho uma menina gostar tanto de ler. A diretora da escola achava Matilda uma fingida, pois ela não acreditava que uma criança tão nova pudesse saber tantas coisas. Depois de mil peripécias, em que tentou se livrar da tirania dos pais e da diretora, Matilda acabou encontrando a compreensão de uma professora, srta. Mel, com quem foi morar.
* MAIS UM MARAVILHOSO LIVRO DO AUTOR ROALD DAHL, QUE VALE MUITO A PENA LER...

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

DICA LITERÁRIA



SINOPSE:

Assim como todo mundo, os contos de fadas gostam de mandar e receber cartas. João, por exemplo, mal tem tempo de agradecer o gigante pelas ótimas férias que sua galinha de ovos de ouro lhe proporcionou. Cachinhos Dourados aproveita para se desculpar com a família Urso por ter causado confusão na casa. E o que seria da bruxa sem o catálogo de ofertas do Empório da Bruxaria, que esse mês oferece uma promoção especial de mistura para torta Menino Fofo? Por isso, quando o carteiro chega é sempre uma festa, e todo mundo o convida para entrar. Mas às vezes — especialmente em caso de Lobo Mau — ele prefere recusar o chazinho e dar no pé o mais rápido possível. O livro, que é todo contado em rimas, vem cheio de cartas de verdade, postais, livrinhos e convites, com envelope e tudo.

SUGESTÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS

* REESCRITA: "JOÃO E O PÉ DE FEIJÃO"




* REESCRITA: "SOLDADINHO DE CHUMBO"


* TEXTOS INSTRUCIONAIS: QUEIMADA E AMARELINHA







* ESTAS ÓTIMAS ATIVIDADES FORAM ELABORADAS PELA PROFESSORA QUITÉRIA



sábado, 22 de novembro de 2008

ORTOGRAFIA: R/RR

* MAIS UMA ATIVIDADE ELABORADA PELA PROFª NELMA

ATIVIDADES DE LEITURA

* COMPLETAR POEMA


* LEITURA DE LISTA
OBS: Este tipo de atividade de leitura de lista só será desafiadora para alunos que ainda não se encontram na hipótese alfabética da escrita.

DICA LITERÁRIA

... Para ler em capítulos com os alunos ou ler em casa, nas férias...



"O inglês Roald Dahl escreveu nos anos 60 o livro que conta a história de Charlie, um garoto pobre que tem sua vida completamente modificada após a visita à fábrica de chocolates do excêntrico Willy Wonka.Depois de passar anos com os portões da fábrica fechados a sete chaves, Wonka organiza um concurso para permitir que cinco crianças visitem o local. O convite vem em forma de um cupom dourado que pode estar dentro da embalagem de qualquer um de seus chocolates. Charlie é a última criança a conseguir um cupom. Junto com a mimada Veroca Sal, a irritante mascadora de chicletes Violeta Chataclete, o obeso Augusto Glupe e do viciado em TV Miguel Tevel, ele ganha um carregamento vitalício de chocolates Wonka e a oportunidade de conhecer a misteriosa fábrica de chocolates. Lá dentro, as coisas não têm muita lógica. Os trabalhadores são homenzinhos minúsculos chamados umpa-lumpas. Os doces são feitos do jeito mais maluco possível e o local parece ser movido a magia. Durante o passeio, as crianças chatas e mimadas aprendem valiosas lições, pois Willy Wonka sabe muito bem como lidar com este tipo de gente. Quando tudo termina, resta apenas Charlie, que tem uma enorme surpresa com o resultado de sua visita." (fonte: Site Uol crianças)


Um livro gostoso de ler, recomendado para todas as idades. A magia e encantamento da Fantástica Fábrica de Chocolate, narrada perfeitamente por Roald Dahl, nos leva a um lugar realmente fantástico, onde tudo é possível...







... Para aulas de matemáticas mais divertidas e desafiadoras...



" Todo mundo tem problemas. A família Gorgonzola, seus parentes e amigos também têm. Só que são problemas sujos, imundos. Você tem coragem de botar a mão e resolvê-los? É um desafio. Se conseguir, vai ficar sabendo qual é o seu tipo de cérebro."




Um livro maravilhoso! Em cada página, um desafio a ser resolvido pelos alunos, que irão achar muito engraçadas as situações vividas pelos personagens. Escrito e ilustrado pela autora Eva Furnari, que dispensa comentários...
Quem ainda quiser trabalhar com desafios matemáticos nesse finzinho de ano, recomendo esse livro.
Só para vocês ficarem com "água na boca", segue um dos desafios do livro:




" O Juvenal e o Tobias têm outro amigo, o Pífio. O Pífio coleciona furos naturais de roupas. Furos naturais são aqueles feitos depois de muito uso. Furos feitos com tesoura não vale.

Pífio já tinha 80 furos e o que ele mais queria na vida era que sua coleção chegasse aos 100 furos. No dia do aniversário ele ganhou uma calça com 2 furos, uma camiseta com 5, uma cueca com 6 e um pé de meia com 10 furinhos.

Será que Pífio chegou à marca dos 100 furos?

E o que mais ele colecionava?" (pág. 13)


quinta-feira, 20 de novembro de 2008

ATIVIDADE DE ESCRITA COLETIVA

* ESCRITA COLETIVA DE LISTA DE CANTIGAS CONHECIDAS


OBJETIVOS:
* Participar de uma situação de escrita coletiva, começando a conhecer alguns procedimentos relacionados ao ato de escrever;
* Compartilhar com os colegas os seus conhecimentos sobre as cantigas tradicionais e também sobre a escrita das palavras que compõem os títulos de cada uma delas;
* Refletir sobre o sistema de escrita, colocando em jogo suas hipóteses e confrontando-as com as de seus colegas.
* Ampliar o conhecimento sobre os nomes das letras e sua forma gráfica.


PLANEJAMENTO:
* Como organizar o grupo?
Alunos sentados nas carteiras, em duplas, voltados para a lousa e para você.

* Quais materiais serão necessários?
Lousa, giz, cartolina, caneta hidrocor.

* Duração:
De 30 minutos a 1 hora (conforme o conhecimento dos alunos sobre as cantigas).


ENCAMINHAMENTO:
* Ao planejar a atividade, decida se irá escrever os títulos das cantigas que os alunos ditarem na lousa ou na cartolina. Na lousa é mais interessante, pois se pode apagar o texto quantas vezes forem necessárias e, ao final, passá-lo a limpo em outro suporte - o cartaz, por exemplo. Lembre-se de que nem todas as cantigas populares têm título. Quando isso acontece, geralmente é o primeiro verso da canção que cumpre esse papel.
* Antes de iniciar a atividade de leitura, retome com a turma as cantigas já conhecidas. Cante com eles essas cantigas e faça dessa conversa inicial, um momento agradável de socialização dos conhecimentos que os alunos já possuem sobre esse tipo de texto. Combine que vocês farão um registro dos títulos dessas canções.
* Durante a atividade, peça que os alunos ditem os "nomes" (títulos) das cantigas que conhecem. Escreva um título logo abaixo do outro, utilizando letra de imprensa maiúscula. Reflita em voz alta sobre a escrita desses títulos: a quantidade de palavras com as quais são compostos, qual é a letra inicial dessas palavras, se há palavras que se escrevem com as mesmas letras, etc. Faça perguntas para o grupo, transformando a escrita em um momento de análise e reflexão sobre a língua. Proponha que as crianças consultem materiais escritos, expostos na sala, a lista de nomes, o alfabeto, caso tenham dificuldade de dizer o nome de alguma letra.
* Ao final da atividade, passe a limpo a lista dos títulos em um cartaz (caso os tenha escrito na lousa). Decida onde afixá-lo e volte a retomá-lo sempre que necessário.

SITUAÇÕES - PROBLEMA



* SITUAÇÕES ELABORADAS PELA PROFª NELMA

ESCRITA DE LISTAS II




* ATIVIDADES ELABORADAS PELA PROFESSORA NELMA


DICA LITERÁRIA


" A prática pedagógica apresentada nesta obra atende com maestria ao desafio de orientar a resolução de problemas como eixo norteador do ensino da matemática. Aqui se encontram alguns dos problemas trabalhados pela autora e por suas alunas do curso de Pedagogia com os alunos da educação básica, e que foram experiências muito bem sucedidas. Sem a intenção de apresentar uma lista completa de tipos de problemas, a autora vem, sim, mostrar algumas possibilidades de trabalho com problemas matemáticos de grande utilidade para todos os docentes da disciplina."
Um livro muito bom, onde a autora mostra como e porquê trabalhar com resolução de problemas, além de sugerir diferentes tipos de problemas para serem trabalhados em sala de aula.
* Veja um exemplo de um dos problemas propostos pela autora para que os alunos resolvam:
Problema de lógica:
Mabel, Ruth e Laura moram na mesma rua, uma do lado da outra. Leia as dicas com atenção e diga onde cada uma delas mora.
* Na casa da direita não há boneca.
*A menina que tem bicicleta não é vizinha da menina que tem patins.
* Na casa de Mabel não tem bicicleta nem patins.
* A bicicleta de Laura é diferente.

terça-feira, 18 de novembro de 2008

ATIVIDADES: ESCRITA DE LISTAS

* CONTO: JOÃO E MARIA



* CONTO : OS TRÊS PORQUINHOS



SUGESTÃO DE PALAVRAS PARA SEREM DITADAS:

* MADEIRA, TINTA, CIMENTO, FERRO, AREIA, TIJOLO, PEDRA, CAL, TELHA

ESCRITA DE BILHETE




* A IDÉIA DE ESCREVER O BILHETINHO NA MAÇÃ VEIO DO BLOG DA TIA LU. *