quinta-feira, 5 de março de 2009

O QUE SÃO: CONTOS DE FADAS, MITOS, LENDAS E FÁBULAS

A narrativa é a arte de contar histórias tão antiga quanto o homem. Não há povo sem narrativa. As histórias narradas sempre acompanharam a vida do homem em sociedade. Através delas foi possível a preservação da cultura e durante muito tempo foram a única fonte de aquisição e transmissão do conhecimento (formas orais). Além disso, as narrativas estimulam a imaginação e povoam a mente de ideias, pessoas, lugares, acontecimentos, desejos, sonhos...
A importância da narrativa nas diversas circunstâncias de vida gerou vários modos de se contar uma história, ou seja, vários tipos de narrativas - lendas, contos, mitos, romances, fábulas etc.
Os contos, mitos, lendas e fábulas são antigas expressões da cultura que se eternizaram graças à tradição oral. passada de uma geração para outra, e do texto impresso.
* CONTOS DE FADAS *

Os contos de fadas emocionam, divertem, criam suspense, mexem com os sentimentos mais primitivos do indivíduo. Neles, o bem e o mal aparecem claramente esboçados, possibilitando perceber que a luta contra os problemas faz parte da existência humana. Por ter suas origens na tradição oral, muitos contos foram recebendo novos elementos. fazendo surgir muitas variações sobre o mesmo enredo (diferentes versões).
São textos que mantêm uma estrutura fixa: partem de um problema (como estado de penúria, carência afetiva, conflito entre mãe e filho), que desequilibra a tranquilidade inicial. O desenvolvimento é uma busca de soluções, no plano da fantasia, com introdução de elementos mágicos: fadas, bruxas, duendes, gigantes etc.). A restauração da ordem acontece no final da narrativa, quando se volta a uma situação de tranquilidade.
* FÁBULAS *

As fábulas são pequenas narrativas que transmitem em linguagem simples mensagens morais relacionadas ao comportamento no cotidiano. Em geral, a moral é acrescida por um pensamento final.
Algumas fábulas possuem personagens humanas, mas a maior parte delas mostra situações do dia-a-dia vividas por seres personificados - animais com características humanas. O comportamento dos animais representa os defeitos, as qualidades e os vícios dos seres humanos. É muito comum a presença de provérbios populares.
Os mais famosos fabulistas (autores de fábulas) foram: Esopo (Grécia, 600 A.C.) e La Fontaine (França, século XVIII). No Brasil. Monteiro Lobato (século XX) e nos dias de hoje Millor Fernandes, que as recriou de forma satírica e engraçada.
* LENDAS *

As lendas, assim como os mitos, são histórias sem autoria conhecida. Foram criadas por povos de diferentes lugares e épocas para explicar fatos para os quais as pessoas não tinham explicações, como o surgimento da terra e dos seres humanos, do dia e da noite e outros fenómenos da natureza. Também falam sobre heróis. heroínas, deuses, deusas, monstros e outros seres fantásticos.

É FUNDAMENTAL LEMBRAR...
Os contos, mitos, lendas e fábulas devem fazer parte do cotidiano da sala de aula. para que os alunos possam aprender mais sobre eles. ampliando o repertório, descobrindo a magia, conhecendo obras e autores consagrados, aproprian-do-se da linguagem e estabelecendo um vínculo prazeroso com a leitura e a escrita.
Uma das formas de esses textos entrarem na sala de aula é através da leitura diária realizada pelo professor. Lembre-se: os alunos que não sabem ler convencionalmente podem "ler" através da leitura do professor.

* FONTE: Alfabetização : livro do professor / Ana Rosa Abreu ... [et ai.]. Brasília : FUNDESCOLA/SEF-MEC, 2000.

Um comentário:

♥Carol♥ disse...

Amor cade os mitos?
Muuiito bom :D